4 razões para que sua página de produtos não converta!

Página de produtos que não convertem

Eu acredito que as lojas online se concentram demais em tecnologia, muito em geração de tráfego, e até demais em otimização de conversão do site, e acabam por se esquecer que a receita ainda continua se centrando no produto por si mesmo. Tudo o resto é apenas uma ferramenta. Abaixo eu vou compartilhar o que eu acredito ser os 4 maiores erros cometidos nas páginas de produtos de varejistas on-line de hoje.

Página de produtos que não convertem

 

1) O excesso de imaginação é necessária

Todas as páginas de produtos exigem a seu webmaster ter uma boa imaginação. Por exemplo, na maioria das lojas online, as imagens dos produtos representam o produto apenas com um fundo branco. Não é exatamente uma forma “inspiradora” de demonstrar o potencial de um produto. As compras on-line podem ser desprovidas de contexto quando as imagens dos produtos não o mostram em uso. Imagens contextualizadas ajudam a criar propriedade intelectual, dando exemplos específicos de utilização.

Sim, é um monte de trabalho para obter este tipo de fotografia em seu site, mas acredito que o resultado final valha a pena!

Não exija que seu cliente tem uma boa imaginação. Pintar um quadro para eles. Como ela será vista no contexto, em suas mãos, em uso?

 

2) Muita “conversa fiada”

Aqui é onde o nosso amigo  conhecimento foge para cima novamente. Quanto mais você souber sobre seus produtos, o mais difícil será para si, descrevê-los para um novato. Se as suas descrições são escritas a partir da perspectiva de um usuário experiente, provavelmente você está escrevendo em torno de termos que não fazem sentido para o novato.

Um grande número de produtos falharam devido ao insucesso na comunicação e você certamente que não quer fazer parte desta estatística, estou certo?

Lembre-se de que os recursos não têm sentido a menos que o benefício seja compreendido. Não assuma que os clientes, logo à partida, já compreendemos benefícios de recursos do seu produto.

 

3) Falta de uma história de fundo

Cada produto tem uma história, mas ela raramente é contada. Por que é que o produto foi feito? Seria inspirado por uma tragédia ou por um momento brilhante de inspiração na vida do inventor? Pense na última vez que você falou a alguém sobre um produto que você está apaixonada. Há uma boa chance que você começou se apaixonando pela história de fundo, e não tanto pelo produto em si.

É pela mesma razão que nós amamos ouvir sobre como as estrelas se tornaram famosas. É a jornada que os torna interessante e vale a pena repetir a história. Uma boa descrição, dá o significado do produto e a sua finalidade, e faz você sentir como se estivesse comprando mais do que apenas uma “coisa”, você está entrando para a história dessa coisa também.

Se você não conhece a história do produto, converse com quem o desenvolveu.Transmitir qualquer informação que puder para que o cliente possa ajudar a criar um sentido história de fundo é essencial!

E ficamos por aqui no artigo de hoje. Espero que tenha gostado. Encontramo-nos no próximo artigo!

 

 

4 razões para que sua página de produtos não converta!
5 (100%) 1 vote

Sobre o autor | Website

António Faneca trabalha na blogosfera há já mais de 6 anos, sendo responsável pelo Blogando com Facilidade, CEO-fundador da empresa de soluções web Web Market.pt, entre muitos outros projetos!

Junte-se a 13.756 pessoas que decidiram aprender tudo sobre Marketing de Afiliados.

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!