Porque eu não lucro com sistemas de afiliados?

Lucro com sistemas de afiliados

Lucro com sistemas de afiliados infelizmente ainda não é mérito da maioria dos bloggers e webmasters. Todos sabemos que ganhar dinheiro com nossos projetos online (blogs, sites, portais) é hoje uma realidade e os sistemas de afiliados são os principais responsáveis pelo grande crescimento deste mercado. Mas a verdade é que muitos de nós simplesmente não conseguem obter ganhos consolidados com seus projetos ou então não lucram aquilo que seria à partida previsível para suas possibilidades.

Isto pode se dever a variadíssimos fatores, mas provavelmente o maior responsável pelos baixos lucros é você mesmo, que de uma forma ou de outra, acaba aplicando mal a utilização dos sistemas de afiliados em seu website. Neste artigo iremos abordar algumas das principais regras para que possa obter melhores resultados com seus projetos!

 

Lucro com sistemas de afiliados

 

Não pense como anunciante. Se imagine como leitor!

Um dos piores erros dos blogueiros e webmasters quando procuram um bom lucro com sistemas de afiliados é apenas pensarem em si, enquanto donos do espaço e se esquecem de se preocupar em ver os fatos através dos olhos do leitor! Esta problemática acabará então por desencadear uma série de outros atos que acabarão prejudicando em muito os seus lucros, tal como poderá observar nos tópicos seguintes…

Portanto, para evitar perda desnecessária de poder de monetização, deverá sempre optar por, em complemento a sua perspectiva como dono do site, procurar entender a forma como o leitor visualiza e entende seu conteúdo publicitário.

 

Qualidade antes de Quantidade!

O que mais vemos por aí são páginas carregadas de anúncios, algumas até nos levam a pensar que a percentagem de anúncios seja maior que a de conteúdo. Pois bem, isso é um grande erro! Para além da maioria dos sistemas proibirem a utilização excessiva de anúncios, está também comprovado que a sua conversão tende a ser menor consoante o aumento do número de blocos, bem como o CPC (custo por clique) e o CPA (custo por acção).

Portanto eu sempre dou preferência a um anúncio de qualidade e com bons valores de CPC/CPA/CPM do que 3-4 anúncios que à partida não terão conversões de qualidade em meu nicho de mercado.

 

Filtre o conteúdo de acordo com seu nicho!

Tal como disse acima, está na hora de começar a pensar na perspectiva do leitor. Imaginemos então um blog sobre futebol. Se você está acessando esse blog, então é porque claramente gosta de futebol, certo? Da mesma forma que você, todos os restantes leitores do blog têm como característica em comum gostar de futebol.

Agora imagine: qual acha que seria a conversão de um anúncio de moda nesse mesmo blog? Pois então, seria bastante baixa ou até mesmo nula! Portanto, para rentabilizar ao máximo seus espaços publicitários, crie filtros que permitam apresentar anúncios relevantes para seus leitores, com a maior precisão possível!

 

Seja honesto para com seus leitores!

Ser honesto e verdadeiro para com seus leitores é um passo bastante importante e poderá lhe evitar bastantes dores de cabeça.

Atualmente, bastantes sistemas, como o ADSense já punem os publishers (publicadores de anúncio, que postam anúncios em seus sites) que não se preocupem em distinguir o conteúdo dos anúncios, visando assim confundir o leitor e levá-lo a clicar num anúncio, pensando se tratar de conteúdo legítimo da página em questão. Portanto se não quer ver seus ganhos retidos e perder seus leitores (que são os verdadeiros responsáveis por seus ganhos), deverá ser verdadeiro e íntegro para com eles, distinguindo bem os blocos publicitários do restante conteúdo (isso inclui também as resenhas, também chamadas de artigos patrocinados, que deverão sempre ter uma nota informando se tratar de conteúdo publicitário.

 

Entenda as normas e regras do sistema em que se insere!

Este ponto, embora muitas vezes seja ignorado e subvalorizado pelos webmasters, é de grande importância e merece ser tomado em consideração, isto para evitar ter sua conta eliminada e seus ganhos retidos. Inúmeros são os relatos de pessoas bastante descontentes com sistemas como o AdSense, que bloquearam suas contas e reterem seus ganhos definitivamente, sem aviso prévio.

Embora se achem injustiçadas, a verdade é que na maioria dos casos, a culpa é mesmo do blogueiro! Isto porque não quis “perder seu tempo” lendo as normas e regras de utilização (os chamados “Termos de Utilização”) e assim não sabem o que podem ou não podem fazer com os anúncios veiculados em seus blogs. Portanto, nunca esqueça de sempre ler os termos e regras de utilização antes de veicular anúncios de qualquer serviço em seu blog!

Porque eu não lucro com sistemas de afiliados?
5 (100%) 1 vote[s]

Sobre o autor | Website

António Faneca trabalha na blogosfera há já mais de 6 anos, sendo responsável pelo Blogando com Facilidade, CEO-fundador da empresa de soluções web Web Market.pt, entre muitos outros projetos!

Junte-se a 13.756 pessoas que decidiram aprender tudo sobre Marketing de Afiliados.

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

12 Comentários

  1. Wesley Vaz França disse:

    Muito bom artigo, parabéns e a primeira vez que visito esse blog, ja assinei e ja digo sou um leitor assiduo dele, aprendi muito aqui e so com esse artigo.

  2. Wesley Vaz França disse:

    So uma pergunta, qual eu nome desse Plugin que vc usa para esses comentários aqui, gostei muito dele muito bom mesmo, pensando em usar para o meu blog no qual estou trabalhando ainda

  3. Herlan Santos disse:

    Excelente artigo.

    Acredito que se posicionar como leitor é um grande trunfo, muitos blogueiros esquecem isto e acabam se prejudicando e muito, acho fundamental o dono do blog reconhecer no que está errando para que tente melhorar.

    Abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Com certeza. Temos sempre que ter a visão de leitor para poder visualizar erros e corrigirmos. Este é um dos principais segredos para o sucesso de um blog e para conseguirmos lucro com sistemas de afiliados.

      Um abraço
      Adriano

  4. Edmundo disse:

    muito boas suas dicas, estou procurando bons afiliados para meu blog, mas esta dificil encontrar afiliados neste nicho, as suas dicas me ajudaram entender melhor como rentabilizar o blog.
    Obrigado

  5. Silvia Viana disse:

    Muito bom o artigo me ajudou muito

  6. Fabio disse:

    Ótimo artigo António Faneca e Adriano Luiz. Acho que o artigo foi perfeito quando identificou um dos maiores “erros” ou enganos de nós blogueiros como sendo a forma como o blogueiro muitas vezes pensa. – Pensar errado é a raiz de muitos problemas – Na minha própria experiência percebi exatamente isto. As vezes pensamos muito que queremos, no que gostariamos de fazer etc e tal. Mas ajuda muito também pensar em perguntas como: O que funciona melhor neste caso? O que dará melhor resultado? E ler os termos e serviços.

    Algo que acrescentaria aqui é apenas o fato de que muitas vezes um sistema de afiliados oferece porcentagens de ganho absurdas para alguns produtos caros e ruins – 50, 60 70%, mas não oferecem produtos de qualidade. Isto é que resolvam a situação do cliente.

    Neste caso eles estão apenas passando o custo do produto ruim para o blogueiro que fica exibindo anúncios na expectativa de ganhar aquela bolada, mas na verdade está apenas divulgando um produto ruim que precisa de um bilhão de exibições para convencer um único cliente a comprar.

    Sucesso e muitas felicidades com o Blog

    • Adriano Luz disse:

      Ola Fabio,

      Seu ponto de vista é muito importante. Quando diz que a qualidade dos produtos que tem a oferecer é importante, você tem toda razão. De que adianta focarmos nossos esforços em campanhas com grande comissão e com taxa de conversão péssima?

      Mais vale pequenas comissões e elevadas taxas de conversão.

      Obrigado por participar.

      Um abraço
      Adriano Luz